BLOG, BLOCO BURLESCO, MUSA E WEB RÁDIO RESPIRANDO CARNAVAL - O CARNAVAL É O ANO INTEIRO! - ANO 12: Estrutura Narrativa do Enredo Tem que Envolver o Público e Jurados






FAZER DOWNLOADS DOS SAMBAS DE ENREDO, LETRAS DE SAMBA DE ENREDO, MAPAS DAS PLANILHAS DAS NOTAS E A PROGRAMAÇÃO DO CARNAVAL CLICA AQUI. E DE OUTRAS CIDADES CLICA AQUI.


terça-feira, 9 de agosto de 2016

Estrutura Narrativa do Enredo Tem que Envolver o Público e Jurados

http://www.carnavalesco.com.br/sistema/imagens/images/carnavalesco/geral/18187/112%20%28Copy%29.jpg

O desenvolvimento do enredo é fator fundamental para o sucesso para obter nota 10. Em bate-papo mediado pelo Site CARNAVALESCO, durante a feira Carnavália-Sambacon, o carnavalesco, comentarista, e apresentador do prêmio Estrela do Carnaval, Milton Cunha, e Gustavo Melo, diretor cultural do Salgueiro, explicaram como abordar em um desfile uma ideia que seja carnavalizada.

- O desfile é uma estrutura de narração. Tem ala, ala, carro, ala, ala, carro. Respeitem a escola de samba, porque ela coloca uma narrativa de cultura no desfile. Essa narrativa tem que estar dentro da carnavalização do mundo. São os pressupostos de que estamos no terreno da fantasia: coelho fala, homem vira mulher, preto vira branco.

- O enredo nota 10 é aquele com uma narrativa que te prende, te diverte, mas que também te envolve. Tem que ter coerência e linha narrativa. Tem que te tirar do plano do real e fazer você viajar. Eu vi o desfile de ratos e urubus várias vezes e sempre vejo algo diferente. É uma polissemia absurda. É muito rico. O enredo nota dez traz boas perspectivas e te instiga. - disse Gustavo.

Milton ainda completou que a criatividade é indispensável. Nas palavras dele, "na avenida, um mendigo não pode ser um mendigo. Tem que ter o ponto de vista artístico, tem que envolver".

IMPORTÂNCIA DO TRABALHO DE PESQUISA

Em seguida, os convidados falaram sobre a importância da pesquisa para o desenvolvimento do enredo. Eles disseram que é preciso que o enredo venha acompanhado de uma pesquisa minuciosa, bem feita, e que a sinopse se baseia nessa pesquisa e que seja bem amarrada, mas alertaram que o enredo não pode se fechar na pesquisa.

- Tem que ir mais além que a pesquisa histórica. Tem que ter ângulo de visão, ser bem costurado. Como o maior de todos fazia: Joãozinho Trinta. Um bom carnavalesco é um bom narrador. Não podemos perder o delírio do devaneio - disse Milton.

- Trabalhar com o Renato Lage é ótimo. Ele nos permite entrar na pesquisa com ele. Fizemos enredos juntos mais de uma vez, este é o nosso décimo primeiro ano com ele, e a partir daí houve uma ruptura de 3 anos por um pedido da escola, mas voltamos em 2016 - explicou Gustavo.

- Por isso que o departamento cultural do Salgueiro cumpre bem isso, tanto o lado de preservar a memória, quanto o talento de pesquisa por outra vertente, de auxiliar na construção do enredo. É uma dificuldade, mas o mesmo departamento cultural faz um trabalho de museologia, mas também tem uma "libertação artística", e eles sempre colocam o Renato e a Márcia munidos de tudo é possível. O enredo tem que sonhar e deixar janelas pra você ir embora. Não pode ser fechado. Boa pesquisa faz diferença para o carnavalesco - explicou Milton.

A DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL

Gustavo aproveitou para falar do enredo de 2017 do Salgueiro. "A Divina Comédia do Carnaval" se baseia na obra de Dante Alighieri. Ele explicou como o trabalho de pesquisa do departamento cultural foi crucial para fazerem uma boa sinopse e como ajuda para o desenvolvimento do carnaval.

- A Divina Comédia é uma grande alegoria. É uma ideia do Renato e da Márcia, e nasceu nos 450 anos do Rio. Eles queriam falar do "Rio beleza e caos", mas trouxemos isso pro carnaval. A história do Carnaval dentro da Sapucaí estava faltando nesse enredo, e trouxemos agora. Aí entra a parte nossa de pesquisa, e eu me aprofundei na Divina Comédia do Dante, e é uma obra muito difícil porque tem muita referência da época, da mitologia, e ele traz isso, ele recupera esses elementos. A mensagem é muito cristã, até meio católica demais, e nós pegamos a estrutura entre inferno, purgatório e paraíso e recheamos isso com manifestações carnavalescas, sob a influência do Joãozinho Trinta. Nós vamos homenagear também a Santíssima Trindade do samba: Pamplona, Arlindo e Joãozinho Trinta - contou Gustavo.

- Sofrimento e prazer na Divina Comédia caminham juntos. É igual colocar um carnaval na avenida, porque os gringos olham pra gente e pensam: como que a gente consegue colocar isso na avenida? Isso é a Divina Comédia: do inferno ao ceu. Quando falta cinco minutos para entrar na avenida, a gente pensa: o que eu estou fazendo aqui? Tem tudo para dar errado - afirmou Milton.

Gustavo explicou ainda que o enredo tem um viés religioso, e que o Salgueiro teve o trabalho de colocar no meio disso a alegria, o "delírio".

OS DOIS LADOS DA MOEDA DA FALTA DE DINHEIRO

Milton e Gustavo debateram ainda a necessidade de que o carnavalesco seja extremamente criativo, especialmente quando há falta de dinheiro. Cunha exemplificou isso citando a própria trajetória no Carnaval.

- Na Tijuca, faltava dinheiro, mas não faltava apoio do presidente Horta. Era um saco a falta de dinheiro, mas nunca faltou apoio. Eu saí da Beija-Flor justamente porque não podia fazer enredo afro. Fatumbi é um que eu queria fazer e eles não deixaram, e eu saí para desenvolver esse carnaval na Ilha - citou Milton.

- Às vezes, um bom enredo não se prova na avenida porque faltou dinheiro, ou o samba não casou; enfim, tudo tem que casar. É um conjunto. Se a escola não comprar a ideia, não leva a lugar nenhum; o maior problema é justamente quando ele não leva a lugar nenhum - explicou Gustavo.

Os convidados destacaram a necessidade de um desfile entreter, divertir, mas ser crítico, levar a reflexão, de forma que as pessoas viagem, aprendam, se divirtam, e que aquele momento único seja proveitoso. Segundo Milton, fazer isso esse enredo crítico e contextualizá-lo com a atualidade brasileira é uma necessidade e um desafio.

- Se o boi da cara preta tiver a cara preta, eu me canso. A caravela do Pedro Álvares Cabral, por exemplo, eu já vi na avenida. Isso eu não quero ver. Tem que ter algo novo, porque ela já entrou várias vezes igual - disse ele. A maior "enredista" da atualidade é Rosa Magalhães. No Onisuáquimalipans, ela vai fazer todos os setores da França e, no fim, ela diz: qualquer semelhança com a atualidade brasileira é mera coincidência. Ela, numa única frase, depois de várias outras da sinopse, faz a ponte que faltava com a brasilidade.

INOVAÇÃO
Na sequência, Milton e Gustavo conversaram sobre criatividade, explicitando como é crucial para todos os envolvidos com carnaval levar para a avenida a novidade, a beleza e a inovação.

- Em teoria, ninguém é nota 10 porque se faltar algo, a escola vai perder ponto. Tudo é imprevisível - explica Milton. É preciso inovar, ser críticos. Tem uma centena de temas na fila esperando serem desenvolvidos: tem que falar de gay, de homofobia, de temas da atualidade, mas ninguém fala porque não tem patrocínio.

- Deveria ter um enredo chamado "pertinência", porque tem enredo que não é pertinente - completou Gustavo.

- É isso. Falta pensador, criador, gente que possa propor novas saídas - concluiu Milton.

A DIRETORIA

Durante a conversa no stand do CARNAVALESCO, os convidados também fizeram críticas das diretorias das escolas, dizendo o que é necessário que elas façam, o que não pode faltar nas escolas, e deram suas sugestões para um melhor desenvolvimentos dos desfiles.

- O presidente não pode estar alheio ao trabalho do carnavalesco e nem atrapalhar o desenvolvimento do carnaval. Ele não pode cortar a criatividade - afirmou Gustavo.

- Está cheio de carnavalesco sem preparação, que não pensa. O carnavalesco vai lá e pensa, depois diz o que pode, o que não pode. Um carnavalesco não pode estar longe do pesquisador nunca. Eles precisam trabalhar juntos - explicou Cunha. Têm vários que são meros "enfeitadores", mas não pensadores, criadores. Eles não podem trabalhar apartados do pesquisador e do presidente.

- Por isso que o pesquisador tem que estar ligado ao diretor artístico. O diretor tem que ser ligado ao carnavalesco e não ao presidente - afirmou Gustavo.

O ENREDO COMO ELEMENTO DE TRABALHO DOS COMPOSITORES

Milton Cunha e Gustavo Melo também falaram da sinopse e como ela é crucial para o desenvolvimento dos sambas. Segundo Gustavo, "o compositor tem que abraçar o enredo e se emocionar para que ele se envolva". Ele afirmou ainda que, para que o compositor se envolva de corpo e alma, ele tem que ser tocado pelo enredo.

- A gente precisa encontrar o tom certo. Além da pesquisa, tem que ter um tom ideal a ser descoberto. No Salgueiro para 2017, nós fizemos quatro sinopses, e uma delas era toda escrita em tercetos, como Dante escreveu A Divina Comédia, mas não emocionava, e os carnavalescos falaram assim: o compositor não vai entender isso. Tem que emocionar eles e não nós - contou ele.

- É isso. Você tem que encontrar o sentimento, tem que tocar o coração especialmente dos compositores - explicou Milton. Tem que ter poesia, sentimento, para que ele vá para casa e volte com uma obra prima.

FONTE: CARNAVALESCO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGENDA DA SEMANA DO BLOG RESPIRANDO CARNAVAL:

CONFIRA DA AGENDA DA SEMANA DO BLOG RESPIRANDO CARNAVAL:
CLICA AQUI E VER A AGENDA

CONFIRA DA AGENDA DA SEMANA DA MUSA DO BLOCO BURLESCO E BLOG RESPIRANDO CARNAVAL:
CLICA AQUI E VER A AGENDA


OBS: ENTRE CONTATO CLICA AQUI E BASTA PREENCHER OS DADOS E PASSA A AGENDA AS INFORMAÇÕES DA SUAS ESCOLAS DE SAMBAS E BLOCOS BURLESCO PRA NÓS DIVULGAR AQUI.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tags BLOG RESPIRANDO CARNAVAL

NOTÍCIAS ESCOLA DE SAMBA ESPECIAL SAMBA NO PÉ GAÚCHA NO CARNAVAL PROGRAMA GAÚCHA NO CARNAVAL RÁDIO GAÚCHA AM 600 kHz E FM 93.7 mHz UNIDOS DA SÃO GABRIEL MIRIM UNIDOS DO PROMORAR RÁDIO DIFUSORA AM 1.580 kHz BLOCOS ACADÊMICOS DO GRANDE ARROIO AMIGOS DO PIPOQUINHA ANIVERSÁRIO CLUBES BLOG RESPIRANDO CARNAVAL LETRA DO SAMBA CLUBE CAIXEIRAL 1 WEB RÁDIO RESPIRANDO CARNAVAL GLOBELEZA WEB RÁDIO ENTREVISTA PROGRAMA RESPIRANDO CARNAVAL PROGRAMA PRÉ CARNAVAL PROGRAMAS BLOCO LULUZINHA LIESAG BLOCO CATURRA CARNAVAL DE RECIFE SEMENTES DO AMANHÃ JORNAL BLOCO AS VENENOSAS RECIFE BLOCO DO CAROÇO CORTE MUNICIPAL UNIDOS DA SÃO JOSÉ EM NOTA JORNAL CORREIO DO SUL REGIONAL BAILE MUNICIPAL DE CARNAVAL BLOCO DO SACY CARNAVAL DE OLINDA OLINDA RÁDIO STÚDIO FM 104.9 mHz RAÍZES DO ARROIO GRANDE LETRA DA SAMBA NO PÉ UNIDOS DA PONTE RESGATANDO A HISTÓRIA CARNAVAL 2016 IMPÉRIO DO SUL LETRA DA UNIDOS DA SÃO GABRIEL PROGRAMA EXPRESSO NOTURNO RÁDIO UNIVERSIDADE AM 1.160 kHz CORTE MUNICIPAL MIRIM ANIVERSÁRIO DE SEMENTES DO AMANHÃ CARNAVAL 2015 COLUNA RESPIRANDO CARNAVAL GLOBELEZA 2017 ENQUETE GLOBELEZA 2016 LETRA DA ACADÊMICOS DO GRANDE ARROIO LETRA DA UNIDOS DO PROMORAR CARNAVAL 2017. AO VIVO CARNAVAL 2018. RÁDIO DIFUSORA AM 1.580 kHz E FM 106.3 mHz CLUBE DO COMÉRCIO LIBBAG WEB RÁDIO CARNAVAL CARIOCA CARNAVAL 2014 CLUBE GUARANY GLOBELEZA 2014 AUDIO ENCONTRO DE BLOCOS BURLESCOS CARNAVAL 2010 CARNAVAL 2011 CARNAVAL 2017 ANIVERSÁRIO DO BLOG RESPIRANDO CARNAVAL BLOCO BURLESCO RESPIRANDO CARNAVAL CLUBE CAIXEIRAL LETRA DO AMIGOS DO PIPOQUINHA LETRA DO SAMBA 2011 WEB RÁDIO CARNAVALESCO ANIVERSÁRIO DA RAÍZES DO ARROIO GRANDE ANIVERSÁRIO DA SAMBA NO PÉ ANIVERSÁRIO DO UNIDOS DA PONTE ANIVERSÁRIO DO UNIDOS DA SÃO GABRIEL ANIVERSÁRIO DO UNIDOS DA SÃO JOSÉ ANIVERSÁRIO DO UNIDOS DO PROMORAR CARNAVAL 2009 CARNAVAL 2012 CARNAVAL 2013 ANIVERSÁRIO DA ACADÊMICOS DO GRANDE ARROIO APARTIR DE HOJE JÁ COMEÇA O ENSAIO DAS ESCOLAS DE SAMBAS JORNAL MERIDIONAL LESAG MUAMBA POPULAR CARNAVAL PROGRAMA ESQUENTANDO OS TAMBORINS ANO NOVO FELIZ NATAL LETRA DO SAMBA 2010 LETRA DO SAMBA 2012 LETRA DO SAMBA 2014 LETRA DO SAMBA 2015 RETROSPECTIVA CARNAVAL 2019 PRIMEIRO DIA DO ANO TEMPORADA 2008 TEMPORADA 2013/2014 ANIVERSÁRIO DO IMPÉRIO DO SUL CARNAVAL 2018 CLIPE DAS ESCOLAS DE SAMBA DECRETO GLTC LETRA DA SEMENTES DO AMANHÃ LETRA DO SAMBA 2009 LETRA DO SAMBA 2013 LETRA DO SAMBA 2016 LETRA DO SAMBA 2017 LETRA DO SAMBA 2019 LIBAG NOTA DAS CADEIRAS RESGATANDO A HISTÓRIA DA SAMBA NO PÉ VANDERLEI SOARES APLICATIVOS CELULARES GLOBELEZA 2018 GRUPO BLOCH JORNAL A EVOLUÇÃO LETRA DO SAMBA 2018 REDE MANCHETE RESGATANDO A HISTÓRIA DA UNIDOS DA SÃO GABRIEL RESGATANDO A HISTÓRIA DA UNIDOS DA SÃO JOSÉ RESGATANDO A HISTÓRIA DA UNIDOS DO PROMORAR RÁDIO DIFUSORA FM 106.3 mHz SUPER RÁDIO TUPI AM 1280 kHz e FM 96.5 mHz TUPI CARNAVAL TOTAL ANIVERSÁRIO DO AMIGOS DO PIPOQUINHA BLOCO BANDA DO TICÃO COLUNA A EVOLUÇÃO NO CARNAVAL COMUNICADO MUSA DO BLOCO BURLESCO E BLOG RESPIRANDO CARNAVAL ORDEM DOS DESFILES OS PARCEIROS DO BLOG RESPIRANDO CARNAVAL TEMPORADA 2006 TEMPORADA 2007 ANIVERSÁRIO DA WEB RÁDIO RESPIRANDO CARNAVAL DEFENSORES DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E CULTURAL DE ARROIO GRANDE FOI NO CARNAVAL QUE PASSOU... LETRA DA RAÍZES DO ARROIO GRANDE LETRA DO SAMBA UNIDOS DA SÃO JOSÉ APRENDIZES DO SAMBA BLOCO AMIGOS DA 15 GLOBELEZA 2015 PORTAL TERRA DE MAUÁ PROGRAMA SAMBA DE PRIMEIRA RIO DE JANEIRO RÁDIO GLOBO AM 1220 kHz e FM 89.5 mHz ARROIO GRANDE BARÃO DE MAUÁ CARNAVAL RECIFE PROGRAMA TOQUE POPULAR RÁDIO GUAÍBA AM 720 kHz e FM 101.3 mHz SORTEIO DA ORDEM DOS DESFILES TRIO ELÉTRICO VISCONDE DE MAUÁ ANGELA MARIA AYTON SENNA BLOCO BOHEMIOS BLOCO DA SERAFINA BLOCO KALILA BLOCO TNT BLOCO UDT BLOCO XUSMERIO DA NEGRINHA CARNAVAL 2020 CARNAVAL DA MANCHETE CLASSIFICADOS DA ESCOLAS DE SAMBA ESTAÇÃO PRIMEIRA DA ZONA NORTE GTC LETRA DO IMPÉRIO DO SUL LIESA MEMÓRIA DO CARNAVAL PROGRAMA SAMBA DE ENREDO DE ARROIO GRANDE REDE CNT REVISTA MANCHETE RÁDIO BANDEIRANTES AM 640 KHZ E FM 94.9 MHZ RÁDIO CHARRUA AM 1.140 kHz E FM 97.7 mHz RÁDIO MANCHETE AM 760 kHz RÁDIO PELOTENSE AM 620 kHz S. ROSAS DE OURO SBT SONHO DE CRIANÇA TRIO ELÉTRICO PROIBIDOS TVCOM WEB RÁDIO ARQUIBANCADA